Blogue Iniciado em 31 Julho de 2008

Trova Nossa

Este Blog pretende ser um espaço de informação sobre várias matérias relacionadas com a Música e o Som de uma forma geral, mas irá ter uma preocupação muito especial com a nossa música tradicional, por um lado, e, por outro, com as Músicas do Mundo.
Estará, como é óbvio, à disposição de todos os que queiram colaborar nesta tarefa de divulgar a a nossa música e enriquecer, com o seu contributo, este espaço que se pretende de partilha.

Publicidade

Pesquisar neste blogue

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Reconstituição de Rituais da Quaresma e Semana Santa de Loriga, no Largo da Srª da Saúde em Sacavém...

Aproveitando o facto de se realizar a Conferência: "Alma Loriguense nos Cantares da Quaresma em Loriga", a ANALOR promoveu a realização desta reconstituição, à semelhança do que já acontecera há uns anos atrás. 
Assim, pelas 21:30h começou a desenhar-se no referido Largo, o cenário para o que viria a concretizar-se depois.
A Cruz, já lá havia sido colocada, estrategicamente, a anunciar que algo deveria passar-se, naquele local. E assim foi. Por volta das 22:00h, já com o aparato todo montado deu-se início ao primeiro ritual: a Ementa das Almas. Na janela do coro da capela ecoava uma voz que pedia e um clarinete. De três pontos distintos do largo, outras vozes respondiam ao pedido, juntamente com o trompete. Durante algum tempo este cântico dolente, que costuma ouvir-se na noite loriguense, ecoava a partir do largo, com a ajuda do sistema de som, por toda a zona histórica de Sacavém. 
Seguiu-se uma arruada com o cântico dos Passos de Nosso Senhor Jesus Cristo.
Após uma breve explicação foram cantados os Martírios, revivendo as madrugadas de Sexta Feira Santa,  em  Loriga e, após este Cântico, nova arruada, cantando a Mãe Dolorosa.
Seguiu-se uma procissão simulando a procissão dos Passos, a Via Sacra dos Homens e o Enterro do Senhor, culminando com o Canto da Verónica num palanque ali colocado para o efeito.
Terminou assim esta evocação dos Rituais Loriguenses, já perto das 24:00h. Quem assistiu, não deu, certamente, por mal empregue o seu tempo, pois pode assistir a uma reconstituição cerimonial, pouco comum por estas paragens.

Partilhamos aqui um conjunto de fotos, de Margarida Amaral, que reportam o que se passou nessa noite memorável:

Sem comentários:

Ocorreu um erro neste dispositivo