Blogue Iniciado em 31 Julho de 2008

Trova Nossa

Este Blog pretende ser um espaço de informação sobre várias matérias relacionadas com a Música e o Som de uma forma geral, mas irá ter uma preocupação muito especial com a nossa música tradicional, por um lado, e, por outro, com as Músicas do Mundo.
Estará, como é óbvio, à disposição de todos os que queiram colaborar nesta tarefa de divulgar a a nossa música e enriquecer, com o seu contributo, este espaço que se pretende de partilha.

Publicidade

Pesquisar neste blogue

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

ComCordas Participa no Lançamento do Livro: Como Vencer o Cancro



O grupo ComCordas, abriu hoje a sessão de lançamento do livro do Dr. Ernesto Carronda, Como Vencer o Cancro.
A sessão teve lugar no Auditório Municipal e contou com a presença de inúmeros amigos do autor, entre os quais a maioria dos elementos do grupo.
Na mesa, para além do autor, estiveram, uma representante da editora, o Pároco do Ramalhal, que escreveu o prefácio do livro e o Dr Juiz, Carlos Querido, que apresentou o livro e o Dr. Carlos Miguel, Presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, que apresentou o autor.
No final da sessão o ComCordas e todos os participantes cantaram em coro os Parabéns, uma vez que o autor festejava também o seu aniversário. 
Deixamos aqui algumas fotos do evento:











domingo, 13 de novembro de 2011

ComCordas encerra 3º Encontro de Coros Séniores de Torres Vedras


Realizou-se hoje, Domingo, dia 13 de Novembro de 2011, o 3º Encontro de Coros Seniores do Concelho de Torres Vedras.
O Encontro contou com a presença do Coro do Clube Sénior do Sobreiro Curvo, o Coro da Associação de Reformados do Concelho de Torres Vedras, do Grupo de Cantares "Os Conquinhas" do Lar de S. José, do Grupo Coral do ASAS de S. Mamede da Ventosa e do "ComCordas" - Grupo de Cavaquinhos de Torres Vedras.




Na assistência estiveram representados os Clubes Seniores de várias freguesias do concelho, nomeadamente, Matacães, Dois Portos, Ramalhal, S. Domingos de Carmões e A dos Cunhados.
Foi uma jornada de cultura e convívio com uma assistência empolgada a acompanhar e apoiar os diversos grupos que passaram pelo palco.



O Encontro encerrou com um cantiga interpretada por todos os grupos em palco e com a assistência entoando a mesma em uníssono numa perfeita simbiose entre todos. 


No final, a Casa da Cultura de Ponte do Rol, através da sua Presidente, Dra. Margarida Ralha, ofereceu lembranças a todos os grupos participantes, enquanto que, a Sra Vereadora da  Cultura e Ação Social, da C. M. de Torres Vedras, Dra. Ana Umbelino, referiu a importância destes eventos no sentido de promover a qualidade de vida aos seniores e ao invés de "dar anos à vida, há que dar vida aos anos"...  e lançou o desafio à Casa da Cultura de Ponte do Rol, para começar já a pensar no 4º Encontro, esperando que a qualidade se mantenha neste nível elevado.
Após as atuações teve lugar na sala do ATL,  um lanche partilhado.

sábado, 12 de novembro de 2011

ComCordas abre Sessão Solene no Teatro Cine, em dia de Feriado Municipal



Dia 11 de Novembro é Feriado Municipal no Concelho de Torres Vedras. Nesta ocasião, anualmente, a Assembleia Municipal, reúne-se em Sessão Solene, para atribuir as Medalhas de Mérito Municipal, a munícipes que se distinguem em várias áreas.
Também é usual convidar um grupo ou um artista para animar esta Sessão. Este ano, a honra coube ao "ComCordas" - Grupo de Cavaquinhos de Torres Vedras, que actuou na abertura da Sessão.
Seguiu-se o discurso do Sr. Presidente da Câmara, Dr. Carlos Miguel e a distribuição das medalhas às personalidades distinguidas.
Partilhamos aqui, em vídeo, alguns dos momentos da atuação do ComCordas:




Partilhamos alguns momentos da entrega de medalhas:






No final da sessão, a comitiva dirigiu-se para o Pavilhão Multiusos, onde decorria a Feira das Tasquinhas. Aqui, distribuídos pelas diversas tasquinhas, os intervenientes da sessão, ComCordas incluído, todos almoçaram em alegre convívio.





No final do almoço, decorreu uma prova, no âmbito do Festival do Pastel de Feijão, doce típico de Torres Vedras, onde participou o CEF de Cozinha da EBI Pe. Vitor Melícias.



 O Vencedor foi Vasco Teixeira, seguido de Paloma Blanca e Saborear. Ao Moinho do Paúl, foi atribuída uma menção honrosa. 

terça-feira, 8 de novembro de 2011

Agrupamento de Escolas Pe. Vitor Melícias - Abertura Solene do Ano Letivo na Casa da Cultura de Ponte do Rol

O grupo de alunos e ex alunos de Mérito da EBI Pe Vitor Melícias 
Na passada Sexta Feira, dia 4 de Novembro, pelas 21:30h, teve lugar, na Casa da Cultura de Ponte do Rol, a Abertura Solene de mais um ano letivo, no APVM. A sessão serviu, também, para distribuir os Diplomas de Mérito Académico e Desportivo aos alunos que se distinguiram, no ano transato.
Este ano, optou-se por um modelo de celebração diferente, com um programa protocolar mais recheado. Desde logo, porque contou com a presença do patrono, o Sr. Pe. Vitor Melícias. Por outro lado porque a Direção, quis tornar este dia mais significativo para os alunos distinguidos, oferecendo um jantar, confecionado pelos alunos do 2º ano do CEF de Cozinha. Este jantar, contou ainda com a presença dos membros do Conselho Geral do Agrupamento e com a equipa que organizou o evento, para além dos membros da Direção.
Após o jantar, todos se deslocaram até à Ponte do Rol, para assistirem ou participarem no espetáculo.
Os Clubes, Som da Malta, Bué D'Artes e Ribombar, contribuiram com  a maior parte dos números apresentados, mas o CEF de Eletricidade, o Grupo "Wonderfull Girls", grupo de dança constituido por alunas do 9º Ano, os alunos que participaram no Encontro de  Poesia, Palavras Sentidas e a aluna Bruna Lino, ao acordeão, complementaram o elenco.
Para além destas intervenções, foram visionados dois videos; um em  que foram recordadas as atividades desenvolvidas no ano anterior e o outro com momentos vividos pela delegação que se deslocou no verão passado a Timor, no âmbito da geminação com a escola de Soibada.
Os alunos distinguidos, num total de 28, foram também passando pelo palco para receberem os respectivos Diplomas de Mérito, das mãos de ex alunos de Mérito, convidados para o efeito.
Também um grupo de alunos que no ano passado se submeteram ao exame DELF Scolaire, de Francês, receberam os respetivos certificados, nesta cerimónia.
Foram ainda distribuídos prémios aos melhores leitores do Agrupamento, intitulados Diplomas do Viajante.
A Câmara Municipal esteve representada na pessoa da Sra. Vereadora da Educação Engª Laura Rodrigues.
A abertura do evento coube à Diretora do Agrupamento, Dra. Elisabete Jerónimo e o encerramento ao Pe. Vitor Melicias.


Com a sala repleta, esta cerimónia decorreu como se esperava, com muita animação e intensa participação de todos os presentes.

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Atelié de Ritmos e Tradições em Ponte do Rol - Centro de Dia da ASAS






Realizou-se mais um dos Ateliés previstos, no âmbito deste projecto. Desta vez foi no Centro de Dia da ASAS - Associação de Solidariedade e Ação Social de Ponte do Rol.
O Atelié decorreu com grande interesse por parte dos utentes desta instituição, que participaram de forma alegre e entusiástica, como se pode comprovar pelas imagens recolhidas na ocasião e que aqui partilhamos.




Apresentação do Projecto:
Desenvolve-se em sessões de, entre 90m a 120m em que os participantes têm contacto com alguns dos ritmos tradicionais, com os quais estão familiarizados ( Chula, Vira, Malhão, Fandango, Verde Gaio, etc...)
Haverá, também uma apresentação de alguns dos nossos instrumentos: Concertina, Acordeão, Cavaquinho, Bandolim, Flautas Tradicionais, Gaita de Foles, Gaita de Beiços, Reco-Reco, Sarronca, Cântaro com Abano, Adufe, Chincalho, Tréculas, Castanholas e outras percussões.
Após a audição de temas tradicionais, muito populares, executados pelos instrumentos melódicos, serão sugeridos alguns gestos rítmicos, aos utentes mais autónomos de cada instituição, que posteriormente se estenderão aos instrumentos de percussão.
Destes exercícios poderá resultar um pequeno grupo em cada instituição que participará, numa apresentação, com as mesmas melodias trabalhadas em cada Atelié, que terá lugar no encerramento da Festa de Outono, onde os vários grupos se juntarão num só, mais alargado, que executará uma ou duas peças com base no trabalho efectuado.
Para tal, as equipas de animação de cada instituição, terão um papel importante de coadjuvação em cada atalié, para depois poderem ministrar as sessões de prática (ensaios) com vista à apresentação geral.
Esta apresentação contará também com instrumentos de percussão preferencialmente construídos pelos participantes. São instrumentos de construção pouco complexa, com materiais de desperdício como garrafas  de água, embalagens de iogurte, pedaços de madeira, caricas e outros.

sábado, 5 de novembro de 2011

Fim de Semana de Convívio Regionalista em Loriga...


No passado fim de semana, 29 e 30 de Outubro, as duas associações regionais sediadas em Sacavém, a ANALOR - Associação dos Naturais e Amigos de Loriga e a LAMSD - Liga dos Amigos da MIna de S. Domingos, deslocaram-se a Loriga, para aí realizarem, como vem sendo hábito nos últimos anos, uma Caminhada Convívio.
No Sábado, por volta das 8h, partiram de Sacavém os dois autocarros cedidos pela Câmara Municipal de Loures, um para cada associação. O Almoço estava agendado para o Parque de Merendas do Senhor das Almas, já com a Serra da Estrela, à vista. Aqui encontrámos um belíssimo espaço verde, apropriado para este tipo de iniciativas. Alentejanos e Serranos partilharam, para além do espaço, a alegria de estarem juntos nesta jornada de convívio regionalista.   

Após o almoço rumámos à Sra do Desterro, em S. Romão, para aí visitarmos o Museu da Electricidade, recentemente inaugurado, instalado na antiga Central Elétrica da Sra do Desterro, que resulta de uma parceria entre a Câmara Municipal de Seia e a EDP.
Partilhamos aqui um video com as fotos do almoço e da visita ao Museu.

Ao jantar estava-nos reservada uma excelente chanfana, servida aos dois grupos em diferentes restaurantes. Tendo em conta que, as salas não têm tamanho suficiente, para albergar um grupo tão numeroso, o grupo da ANALOR ficou no Restaurante Império, enquanto o grupo da LAMSD foi acomodado na Churrasqueira Serrana.
Após o jantar, no Salão dos Bombeiros de Loriga, onde decorria a 1ª Feira Solidária de Outono, teve lugar um convívio animado pelo Teclista José Manuel Alves, Loriguense radicado em Sacavém.






No dia seguinte, Domingo, dia 30, logo pela manhã realizou-se a Caminhada esperada.
Foram programados dois percursos a partir das Rotas da Broa, desenhadas no âmbito da Confraria da Broa e do Bolo Negro de Loriga, no ano passado.
Um, para gente mais experimentada nesta atividade, que desenhámos em cima da já existente Rota do Milho em Terras de Xisto, que une as freguesias de Loriga e Cabeça, percorrendo o Vale da Ribeira de Loriga. Seguimos esta rota até ao Serapitel, tendo feito um desvio para ir conhecer o Poço da Broca. Mas, ao invés de continuar até à Cabeça, regressámos a Loriga pelo estradão que passa por cima do Torno, em direção ao Porvelho e à Campa, vindo sair à estrada do Chão do Soito, passando pelo Caixão da Moura até ao cemitério.
O outro percurso, mais curto, seguiu a já existente Rota da Eira, mas continuando até à Sra. da Guia, local aprazado para o encontros dos dois grupos. Este, passa pela Ponte Romana, Resteves, Eira do Mendes, Canada, Ribeiro da Ponte, contornando a vila, até ao Avenal, seguindo pelo Tapado até às  Montesinhas e subindo ao recinto da Sra. da Guia.
Como o grupo do percurso longo se atrasou um pouco em relação ao tempo previsto, deslocámos o ponto de encontro para junto do cemitério.
Após o encontro, os dois grupos seguiram num só, até à vila, tendo, entretanto, dispersado na ponte do Porto.
Voltariam a juntar-se no Restaurante "O Vicente", para retemperar forças com um excelente almoço cuja ementa, previamente combinada, era constituida por Calhorras à Moda de Loriga. Para a sobremesa, estava guardado o habitual Arroz Doce com Leite Creme.
Partilhamos aqui um video com as fotos dos dois percursos e do almoço:


Após o almoço, era altura para nos despedirmos de Loriga e regressar a Sacavém. No entanto, a viagem de regresso, obedeceu a um itinerário diferente do da ida. Desta vez, subimos à Torre pela Estrada de S. Bento - EN 338, tendo descido à Covilhã em direção à A23 e, posteriormente a A1.
Foi uma jornada muito interessante durante a qual se estreitaram os laços que unem estas duas organizações há largos anos. 
Ocorreu um erro neste dispositivo