Blogue Iniciado em 31 Julho de 2008

Trova Nossa

Este Blog pretende ser um espaço de informação sobre várias matérias relacionadas com a Música e o Som de uma forma geral, mas irá ter uma preocupação muito especial com a nossa música tradicional, por um lado, e, por outro, com as Músicas do Mundo.
Estará, como é óbvio, à disposição de todos os que queiram colaborar nesta tarefa de divulgar a a nossa música e enriquecer, com o seu contributo, este espaço que se pretende de partilha.

Publicidade

Pesquisar neste blogue

domingo, 20 de fevereiro de 2011

Loriga... Uma Estrela na Serra


Por ocasião da Inauguração da Exposição, Memórias com Alma - de Loriga a Sacavém, foi pedido ao João Amaro que realizasse um video a partir de um texto elaborado pela Margarida Pina e Emilia Lages, que mostrasse Loriga no seu melhor, em diversas vertentes, desde a paisagística, passando pela fauna, flora, à cultural e desportiva e até à gastronómica.
O vídeo foi uma agradável surpresa, diria mesmo que é excepcional, porque em 10 minutos, nos traz, efectivamente, o que de melhor há em Loriga.
Parabéns ao João Amaro e aos seus colaboradores, os irmãos, Carlos e Pedro e o João Ribeiro.
À Margarida e à Emilia, os meus parabéns pelo excelente texto, que sintetiza o que, de facto, é importante mostrar sobre Loriga.
Aqui partilhamos com todos os nossos leitores o referido texto e o vídeo, ambos intitulados:

Loriga, uma Estrela Na Serra...

Foto José Amaro

Uma localidade bela e notável a descobrir!


Loriga é uma das povoações mais antigas da Serra da Estrela e a mais próxima do Planalto da Torre, situada na encosta sudoeste, protegida por duas sentinelas vigilantes e altivas, a Penha do Gato e a Penha dos Abutres, próximas dos 1800 metros de altitude.

Está enquadrada num vale ímpar – o vale glaciar de Loriga - talhado há mais de 20.000 anos pela glaciação na Serra da

Estrela. O vale, de formas e curvas vincadas, tem o seu início no Planalto da Torre a cerca de 1800 m de altitude e, entre altos penhascos, escarpas abruptas e linhas de água, desce encosta abaixo numa extensão de 7 Km, até aos 290 m.

A povoação de Loriga emerge graciosa numa colina rodeada por duas Ribeiras, a da Nave e a de S. Bento, e por um engenhoso e extenso sistema de socalcos, oferecendo uma paisagem bela, surpreendente, com horizontes largos de enorme beleza.

Situa-se no coração da maior área de paisagem protegida do país - Parque Natural da Serra da Estrela, marcada por maciços rochosos de granito e xisto, uma das melhores reservas biogénicas da Europa, com grande quantidade e diversidade de vida selvagem nos desfiladeiros da alta montanha e espécies de flora únicas.

Um mundo de experiências memoráveis

Desfrutar horizontes majestosos envoltos em ar puro, sentir o imenso silêncio que as altas montanhas propiciam, entrecortado pelo som das águas das ribeiras, por alguma brisa nos pinheiros e por chocalhos lá ao longe.

Gozar o prazer da neve e desportos de inverno, acedendo em breves minutos, pela Estrada S. Bento e num enquadramento paisagístico de cortar a respiração, às pistas de esqui, localizadas na freguesia de Loriga a uma altitude próxima dos 2.000 metros.

Mergulhar na natureza, trilhando percursos pedestres desenhados por si ou já preparados a pensar em si, como é o caso da “Rota da Broa de Loriga”, com os percursos “Rota da Eira”, “Entre Socalcos e Moinhos”, “Panorâmica do Vale de Loriga”, “Milho em Terras de Xisto”.

Passear pelos caminhos, provar a água fresca das fontes, sentir o cheiro das flores e vegetação da serra: o alecrim, o rosmaninho, a urze, as mimosas, as giestas.

Deambular, sem pressas, pelas ruas e ruelas da vila, perscrutando a alma dos lugares e das gentes.

Sentir o pulsar da vida local, observar pessoas, espaços, pormenores, admirar as ruas limpas, pavimentadas a granito, enfeitadas com flores e ladeadas de água sempre a correr, descobrir vestígios do passado longínquo, usufruir da simpatia anfitriã, ouvir histórias, aperceber-se de crenças, de sonhos realizados e de sofrimentos vivenciados, perceber tradições que se mantêm e as que perduram em doces memórias.

Aprofundar a observação em passeios temáticos, com apoio do Posto de Turismo, se necessitar:

Sobre a ocupação humana de longa data, iniciada muito antes da nacionalidade, observando os vestígios que perduram, nos caminhos erigidos pelos romanos, nos bairros históricos como o ancestral Bairro de São Ginês, associado a São Gens, santo de origem céltica, em ruas emblemáticas, como a Rua de Viriato e a Rua da Oliveira com características urbanas da época medieval.

A gestão da água e o esforço que representou a humanização da paisagem e o património de socalcos;

As fontes, mais de uma dezena, as histórias que encerram no longo percurso para acesso à água potável, o mar de afecto representado em três emblemáticos fontanários oferecidos pela comunidade Loriguense no Brasil;

As ribeiras e pontes, os meandros talhados na paisagem de xisto, a vida espelhada nas águas correntes que fizeram movimentar a maquinaria da histórica indústria têxtil, alimentam as levadas, permitem as culturas nos socalcos e propiciam refrescantes momentos nos poços e Praia Fluvial;

O relevante passado industrial, marcado pela importância da lã, reflectido na expressividade do património edificado e nas muitas memórias que perduram;

A religiosidade, património associado, com destaque para a Igreja Matriz, cheia de história desde a sua origem no século XIII, rituais e festas, tradições centenárias, como é o caso da “Ementa das Almas” vivenciadas com genuinidade ao longo do ano, tendo como ponto alto a festa da Nossa Senhora da Guia, na Capela do mesmo nome;

A música e o desporto, incursão por largas décadas de investimento e provas dadas, entre outras, por entidades emblemáticas como são a Banda Filarmónica de Loriga e o Grupo Desportivo Loriguense;

Deleitar-se com os sabores e a afamada cozinha loriguense, tradição recentemente realçada e que pode conhecer na obra “Loriga, Sabores de Sempre”. EM,MR

E o vídeo...



1 comentário:

A. Moura Pinto disse...

Parabéns. O vídeo é uma maravilha.

Ocorreu um erro neste dispositivo