Blogue Iniciado em 31 Julho de 2008

Trova Nossa

Este Blog pretende ser um espaço de informação sobre várias matérias relacionadas com a Música e o Som de uma forma geral, mas irá ter uma preocupação muito especial com a nossa música tradicional, por um lado, e, por outro, com as Músicas do Mundo.
Estará, como é óbvio, à disposição de todos os que queiram colaborar nesta tarefa de divulgar a a nossa música e enriquecer, com o seu contributo, este espaço que se pretende de partilha.

Publicidade

Pesquisar neste blogue

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

5 de Janeiro... 2º Dia de Janeiras do Grupo de Cantares do APVM

O horário madrugador repetia o ritual do dia anterior, já que a jornada que nos esperava, também era longa.
Ás 9 horas estávamos já  a cantar no JI de Ponte do Rol, onde, como habitualmente as crianças nos retribuiram cantando as suas janeiras.


Seguimos para a sede da Junta de Freguesia, onde tínhamos marcado encontro com o Presidente Pedro Vasa e cantámos à portas da sede, chamando à atenção de quantos passavam, que pararam para nos ouvir e aplaudir.


Rumámos à EB1 onde entoámos as nossas Janeiras, no recinto exterior agora renovado, coisa que não deixou de ser notada pelos antigos alunos que agora, já a frequentar a EBI, integram o Grupo de Cantares.


Dirigimo-nos, em seguida para a Ribeira de Pedrulhos, para visitar o JI. 


A paragem seguinte era a Gondruzeira, onde está a turma do 1º ano de Ponte do Rol.


Em seguida fomos surpreender os idosos do Centro de Dia do ASAS de Ponte do Rol, que nos agradeceram, com os seus sorrisos, os momentos de animação que lhes proporcionámos.


O próximo destino era a EB1 e o JI da Fonte Grada. Para lá nos dirigimos, dentro do horário que tínhamos previsto. Juntas, as turmas do 1º Ciclo e  do JI, escutaram as janeiras e  as habituais explicações sobre os instrumentos usados.


Cumprida que estava a nossa tarefa, na Fonte Grada, seguimos em direção à EB1 do Pául, nosso próximo destino. Como fazia um ventinho desagradável, apesar do sol, decidimos cantar no interior.


A próxima paragem era ali bem perto, no JI do Paúl, onde os meninos tinham também preparado umas janeiras para nos cantar. 


Depois de os ouvirmos rumámos à Boavista, onde terminámos a jornada desse dia. Aqui contámos com dois reforços de peso, o Rafael e o Leonardo que se juntaram ao grupo com os seus tambores e nos acompanharam, muito compenetrados do seu papel de músicos.




Terminava assim o nosso segundo dia, mas o dia seguinte ainda nos reservava alguma atividade.



Sem comentários:

Ocorreu um erro neste dispositivo